segunda-feira, 30 de junho de 2008

Ervilhas e bróculos...

21:00

Lá soltaram os touros e começou a tourada cá em casa. Forcados e tércios aos gritos. Que porra! Confesso que já passei por vários estados (emocionais?) antes de começar a escrever este post - que sendo o primeiro, devia ser algo mesmo bom! Comecei com aquela fúria estúpida de miudinha de 13 anos que só quer arrumar as camisolas mais giras numa mala e ir viver para baixo da ponte até que escrevam nas paredes da casa que afinal até gostam um bocadinho dela. Depois, e graças aos (BONS) modelos que vou seguindo, acalmei e deu-me, como habitualmente, para a choradeira. Hora então de pegar nos phones e escolher um fadinho particularmente tocante. Mas não! Que raio! Regresso então à fase adolescente do "LEAVE ME ALONE" ou, como ouvi numa música, "But it's alright / I don't give a damn / I don't play your rules / I make my own / I'll do what I want / Cuz I can". O pior é que I DO CARE! E, por mais que me esforce, não entendo o porquê de tanta estupidez! Podiam resolver-se os (meus) problemas sem esforçar as cordas vocais e sem puxões de cabelos. Enfim... modéstia à parte, acho que vou resolvendo estes "mares de bróculos" sem grandes ondas. No fundo, o mais importante é não dar grande importância ao assunto - e trancar a porta do quarto enquando mandamos toda a gente à m****!

A inspiração foi-se, e recuso-me a ocupar o vosso tempo com palavreado giro que se vai buscar à wikipédia. Portanto, e sem grandes floreados, fico por aqui! Antes de ir, agradecimento especial: Obrigado Jessi pelo título do blog e pelo empurrão! Boa sorte com o novo livro ("SEGREDOS DE UMA FEITICEIRA") e com a restante vida profissional - e pessoal, se me permites! :)

Até uma próxima! E cuidado com as ervilhas! :)

6 comentários:

Anónimo disse...

à wikipedia ou à ritipedia? alguma coisa que precises, podes sempre contar comigo... beijinho

Ana Montenegro disse...

Sou a 1a a comentar ? Diz que sim =)

Ahahah . Ri, fiquei triste mas amei .. E fico ansiosa, pelos proximos 'capitulos' ;D


Beijinho da sua manager :D

Anónimo disse...

Marina :D

Tens geito mariana, quero ver os próximos capítulos!
Obrigado por te lembrares d mim!
beijinhos*

Jordão disse...

Sim senhor... fiquei tocada! Escreves espetacularmente bem, de tal maneira que sinto que estou a falar contigo. É bom saber que partilhas estas pequenas coisas connosco, neste blog, como os teus sentimentos, pensamentos etc.
Noto que estás muito mais solta em relação a isso e que estás mais a vontade em mostrar o teu lado emocional


Opinião de uma Jordão inspirada num processo de análise psicológica à personagem única que escreveu este maravilhoso texto

Anónimo disse...

Tatiana Cadima

Absolutamente espantoso !! Ao ler este texto, confesso que não me surpreendi muito, pois esta conjugação de palavras que dão vida a textos lindissimos é algo que a Mariana já me vai habituando.. mas é sempre muitissimo interessante poder observar um novo :)

"deu-me, como habitualmente, para a choradeira." - adorei particularmente esta parte !!

Força, podes continuar ;)

<3

AnaRute disse...

"No fundo, o mais importante é não dar grande importância ao assunto - e trancar a porta do quarto enquando mandamos toda a gente à m****!"
Quantas e quantas vezes nao é esta realmente a atitude mais serena e sobretudo sensata.
Aquilo que não falta em ti e nas tuas palavras é isso, Sensatez, serenidade... Não só nas tuas palavras, na tua voz, nos teus dedos, nas cordas da tua viola e nos momentos tão grandes e tão pequeninos que passei ao teu lado, e que vou recordar sempre em jeito de qerer voltar a vive-los. Contudo, o que já foi, já lá vai... e quero que venham mais, novos e frescos .
és grande *
abracinho


Ana Monteiro