quinta-feira, 30 de abril de 2009

Escolíadas


"Quando a cabeça não tem juízo
E se esforça mais do que é preciso
O corpo é que paga, o corpo é que paga
Deixa-o pagar, deixa-o pagar
Se tu estás a gostar."


WoOOOOooOOHoo! Fico doida com as Escolíadas! Citando Suse (a Presidente do Departamento): "Se não morrer hoje, não morro nunca!"

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Tenho (taaaaaaaaaaaaaanto) sono


Uau, tenho mesmo sono. E tenho taaaaanta coisa para fazer que posso chegar ao luxo de escolher qual delas vou deixar para depois das 3 da manhã! Meeeeeen, I love my life!! :)

Escolíadas... uma grande dor de cabeça, uma enorme carga de trabalhos - mas aquilo que gostaria de me ver a fazer daqui por alguns anos. Ainda mais que o jornalismo.

E é no meio destas trocas e baldrocas (uiii! síndrome eurovisão!!!) que surgem coisas fantásticas (não é?). Pequenos gestos que se tornam imensos, a mãezinha que tem sido incansável a fazer perucas de lã, aquela malta perigosa, aquele abraço, aquelas músicas chinesas que batem de uma maneira muuuito esquisita. E a porra do Memorial do Convento.



I thought I'd seen everything till I saw you
I thought I'd been everywhere till I'd been with you
I thought that everyone knew what I knew
I thought I'd seen everything till I saw you

sábado, 25 de abril de 2009

Religiões e Afins

Ainda a propósito daquela conversa - e para que fique aqui esclarecidíssimo que a incultura religiosa não é crime nem vexame (portanto, não merece sacrifício, oblações nem expiações). Isto tem tudo uma maneira muito simples de se analisar... E, não querendo extremar os pontos de vista, para mim há dois tipos de cristãos: os BEATOS e os COOL.

Capítulo 1:
(ou) Como tornar-se o/a maior beato/a da sua aldeia:
- Tenha calendários com a Virgem Maria, o Papa João Paulo II ou as Aparições do 13 de Maio
- Refira-se aos Santos por "Santinho" ou conjugue os nomes no diminutivo ("Sant'Antoninho")
- Use expressões como: "Carédo Minha Nossa Senhora subida aos Céus", "Ó Deus da Guarda", "Santíssima Trindade, Pai, Filho e 'Spirito Santo"
- Tenha, pelo menos, uma Bíblia Sagrada com as páginas em rebordo de ouro para cada duas divisões da casa
- Se possível, crie altares de devoção nas mesinhas de cabeceira, armários da cozinha, balcões da sala, parte superior do televisor e estantes de livros
- Seja anti-preservativos, anti-gay, anti-hippie, anti-cabelos-curtos, anti-tátuns (tatoos), anti-pirços (piercings), anti-tripstrease (striptease) e anti-fhm / maxmen
- Na sua coleção de DVD's, pelo menos 70% deve ser dedicado à vida e obra de Jisus - ajuda ter os filmes de Sua Santidade e os fascículos todos dos 10 Mandamentos
- Mantenha o traje domingueiro impecável
- Seja crente que vai tudo para o inferno (as badalhocas) menos voc'elência que nunca peca e raramente se engana

Capítulo 2:
ou Como ser um C.C. (Cristão Cool)
- Ter calendários oferecidos e rabiscados com temas que podem ir desde a flora amazónica até aos ursos polares
- Conheça meia dúzia de santos, o padroeiro da terra e goste muito deles todos (no geral)
- Em caso de se aleijar, pode soltar um "Arre", ou em caso de maior gravidade um "Phone-ix!"
- Tenha uma bíblia com alguns sublinhados, conheça alguns salmos e use aqueles marcadores super cool da formiga
- Não seja anti absolutamente coisa nenhuma, somos todos irmãos ou primos e o que se quer é Paz, Amor e Rock and Roll
- Na colecção de Dvd's... aqueles que vêm oferecidos nas revistas ou os da promoção do Jumbo da Figueira
- Mantenha o traje domingueiro razoavelmente engomado, não vá correr o risco de perder a herança dos avós (e de lhe chamarem "herege" à entrada e saída de Igreja)
- Saiba que tem 50% de probabilidades de ir para o Inferno


Capítulo 3
ou Resumidamente, eu:

"Não sou freira / Nem sou puta"

segunda-feira, 20 de abril de 2009

It does sound lame

Enquanto dedilhava (mal e porcamente) uma meia dúzia de acordes, uma sequência acabou por ficar presa aos dedos e, consequentemente, repetida vezes sem conta. Tanto podia ter sido C - Am - Dm - G (etc) como outra coisa qualquer, mas aconteceu assim. O refrão acabou por surgir, espontâneo e sem grandes ondas, em inglês. Seguiu-se a primeira estrofe. Encalhei na segunda e, para não estragar, decidi repetir a primeira. Foi assim que, sozinha com a guitarra, sem cenas dignas de filme, e em menos de meia hora surgiu isto:


video

A letra, para que na euforia do momento não ficasse esquecida, foi anotada no caderno amarelo da "Vespa" - com data de criação. Passados uns dias a aprimorar recantos, chegou a hora de a partilhar. Juntam-se umas fotos, faz-se a devida legenda, e apresenta-se no blog. Feito!

Vou voltar para o café amargo, antes que arrefeça.

P.s. Pardon pela voz de guaxini - que já não sendo grande espingarda, fica ainda pior com o microfone do chinês. É o que dá ter material de primeira!

sábado, 18 de abril de 2009

Actualizações

As Escolíadas estão a ganhar rumo - o que, a duas semanas da prova, seria de esperar. Com duas ou três noites mal dormidas, o teatro ficou apresentável, e os papéis começarão a ser distribuídos na segunda.
.
Não cheguei a ver o tal filme, do outro post. Não sei porquê... mas acabou por não me apetecer. As amêndoas sim, essas voaram.
.
E hoje não consigo escrever mais nada, embora tenha uma lista já avantajada de posts atrasados. Coisas que por isto ou por aquilo quero escrever, simpaticamente vomitar para aqui; Coisas que quero que sejam lidas, porque só assim ganham sentido; e outras que precisam de ser escritas para que consiga encaixá-las. Como por exemplo: JORNALISMO.


Adios.

["I know you may not want to see me
On your way down from the clouds
But would you ear me if I told you
That my heart is with you now?" ]

"But if the sun sets you free
You'll be free indeed!"

terça-feira, 14 de abril de 2009

Agora, não estou

E não estarei tão depressa: as Escolíadas tem de ser preparadas, e a Cantiga é uma Arma precisa de retoques finais. Ainda há filmes do Parlamento dos Jovens para orientar e o trabalho das Sub-Cultures para a apresentar na sexta.

Hoje a noite, vai ser Dirty Dancing... e amêndoas roxas! ;)

[ "Guajira, I love you too much!" ] » » » » »

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Não faz sentido

que o acontecimento que dá sentido a uma religião seja acompanhado pelo "elite model look" de meia dúzia de alminhas penadas que cumprem calendário e mostram as novidades do seu guarda-fatos.

No fundo, a Páscoa foi brutal! :)

O dia em factos (que tenho sono a mais para texto corrido)

» Os guitarristas tiveram problemas com o cântico de entrada...
"-Vamos fazer um tom acima. Prontos? Ok, vamos!
- Isto soa mal Gonçalo.
- Tira, tira! Não, sobe dois tons.
- Soa mal! Um e meio?
- Raio. Não, soa mal.
- Então??!!
- Meio tom? Sim!"
> Entretanto... acabou o "ressuscitou".

» Tive uma quase queda monumental
» Levei a maior seca do mês
» O almoço foi leitão
» Ganhei um balúrdio só porque é tradição
» Troquei de roupa aproximadamente 72 vezes
» Fiquei estupidamente aborrecida e agredi o puff
» Visitei madrinha, padrinho e avó
» Vi o mar e bebi um café que demorou 30 minutos a chegar
» Verifiquei que a Figueira continua magnífica às 7 da tarde:
















» E o Jisus ressuscitou, aleluia aleluia.

sexta-feira, 10 de abril de 2009

God Bless

os echte eukalyptus mentol extra stark do Lidl - finalmente deixei de sentir um corta-relva na garganta :)

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Provei, e perdi o juízo.

Segundo a treta dos horóscopos, o grande dia desta semana ia ser quinta-feira, para o meu signo. Tudo indicava para que o palpite do/a adivinho/a (não me lembro), saísse furado - com a ida ao zoo adiada por tempo indeterminado.

Mas a quinta-feira começa à meia-noite, certo? :)
Portanto, o importante da noite será mesmo destacar "Quem comeu quem. Aliás, quem comeu o quê!!!".

Quanto a mim, juro que me fiquei pelo McChicken. Mas como alguém sabiamente referiu, da maneira que estávamos ontem, marchou tudo. E mais não digo!

[ Valeu a pena ir a ouvir Dina, Anjos, AC-DC e Michael Jackson até à figueira, correr as capelinhas todas à procura de jantar e acabar a fazer figura de urso nos bancos da praia - afinal não foi assim tão triste como disseram por aí. ]

É muita fruta, pá! :P

terça-feira, 7 de abril de 2009

Estou que não me entendo.

Porque sempre fui desarrumada. Desde miúda que a minha estante dos bonecos e carrinhos acumulava pó enquanto o chão estava minado de mil e uma coisas. Deve ser crónico, sei lá, porque genético não é.

Tenho sempre dossiers em pilha, capas, micas e cadernos com o dobro das folhas lá enfiadas. Gosto dos post-it colados debaixo da janela do escritório, e das frases amontoadas à volta do horário da escola. Arrumo o quarto toda a tarde e depois sento-me a ver televisão, mas se preciso de um casaco, há-de ser o que está no fundo da gaveta ou no canto mais maquiavélico do armário; se me apetece ler, nunca é o primeiro livro que tiro da estante, e o mesmo com os cd's em cima do rádio.

Entendo-me bem assim, afinal são 17 anos de treino em busca e salvamento de seja lá o que for do meio dos escombros do escritório e do quarto.

O computador é o que, além de mim, oscila mais entre as duas zonas da casa e, estupidamente, a coisinha mais arrumada que tenho: as músicas estão por género e intérprete, os sites na barra dos favoritos, o ambiente de trabalho organizado.. as fotografias divididas por milhentas pastas. Como não podia deixar de acontecer comigo, devo ter-me fartado de organizar imagens e acabei com uma pasta com o nome "Várias". Abrindo essa, aparecem logo meia dúzia delas. Mas ainda há à escolha as "Pessoais" e as "Outras". Que seja a primeira, vá. Agora já são cerca de 20 que escaparam à ordem inicial, e apenas uma pasta - que ganhava mais tendo ficado fechada.



"Não queiras saber de mim
Esta noite não estou cá
Quando a tristeza bate
Pior do que eu não há"






"I wish you bluebirds in the spring
To give your heart a song to sing
And than a kiss
But more than this
I wish you love"

domingo, 5 de abril de 2009

Ontem, Hoje e Amanhã

ONTEM:

Vinha eu com vontade de rasgar a saia, os collans, a camisa, a gravata e o casaco da filarmónica, depois do serviço em Montemor, a pensar que não vou fazer rien de rien nos próximos dias e depois sim, depois hei-de estudar. Ora, nisto liga-se música dos meus amados 90's (Anjos - Perdoa) e, a meio de nada, um deles sai-se com esta: "Também para nós / Camões criou a Ilha dos Amores". Perseguição? Enguiço? Mau-olhado? Um carago de um azar? Aceito apostas.

HOJE:

É triste acabar o fim-de-semana sozinha no sofá a beber chá, com um cachecol enroladérrimo no pescoço e a ouvir Patti Smith. Só de pensar que "agora aqui à dias" acordava com os gritos da Luci, a chamar filhos da p*** a toda a gente, com carvalhais e mértolas à mistura... como era calmo e sossegado LLoret pela manhã.

AMANHÃ:

O Padeiro diz que vai chover. Eu acho que não, vai fazer sol.

sexta-feira, 3 de abril de 2009

LLoret - o Regresso (parte 2)

...




CON UN PAR DE COJONES, FONSECA!

(piadinha do 332)

LLoret - o regresso

Chegámos todos inteiros, uns mais vivos que outros.

Joder!! , que aqui o guaxinim (que é azul), vai dormir!



P.s. Estou feliz por poder tirar o "i" à "mierda". x)