domingo, 27 de junho de 2010

há dias assim:

Como dizia a outra, "há dias assim". Que começam cedo demais para horário normal de fim-de-semana, em que usamos vestido e sapato a combinar. Vamos, de guitarra às costas, fazer ensaios e cantar em casamentos. Como sempre, há lugar para improvisos e arranjos de última hora. Almoçamos em trinta minutos, quase a hora de lanche, porque há mais ensaios que fazer. A única verdadeira pausa foi na hora da Lua Vermelha - e, mesmo assim, nem vi o episódio completo. Depois de algumas mudas de roupa, acabamos o dia no mesmo sítio abençoado onde começámos a jornada. E senti-mo-nos muitíssimo bem, porque afinal correu tudo pelo melhor. "Ainda não sei é como é que elas conseguem cantar a sorrir..." :)

Do it on your own
Makes no difference to me
What you leave behind
What you choose to be
and whatever they say
Your soul's unbreakable

And during the struggle
They will pull us down
But please, please let's use this chance to
Turn things around
And tonight we can truly say
Together we're invincible

7 comentários:

Inês disse...

sim, podemos dizê-lo. E eu também posso dizer que consigo calçar os meus sapatos de 12 cm sem estar apoiada e como o pc e pratos "cavalinho" na mão! :P obrigada por tudo

odeioervilhas disse...

nada que agradecer, foi mais uma dia dos bons :)

Queen of Winter disse...

Concordo plenamente com a última frase. Só não me parece que seja só hoje que o podemos dizer :) Só tenho uma palavra, que apesar de ter direitos de autor, não consigo deixar de a dizer: a-do-rei!

odeioervilhas disse...

ontem, hoje e amanhã :)

Patrícia (: disse...

Está giro o blog, todo mudado (:
Beijos x)

Caramela disse...

Espera... Estou a ver isto bem? Tu puseste uma música de Muse no teu blog? As tuas férias devem estar a fazer te mal, só pode! :P

odeioervilhas disse...

Gosto de Muse, de Placebo é que não!! :)