quinta-feira, 16 de julho de 2009

Joder, yore muxissimo.

Deixa de ser apenas mais uma série quando todas as quartas-feiras, religiosamente como quem não perde as missas ao domingo, vês o episódio da semana.

Joder, que yore muxissimo con el puto final.


(Foi nesta parte que tive de ir a correr buscar um rolo de papel higiénico, porque a almofada já não servia).

Joder. Mataram o preto, o gay, a lésbica e o extra-conjugal; a insegura trocou o co-marido pelo marido regressado do raio que o partisse; enfim, entre mortos, feridos e trocados são mais que muitos. Os guionistas mereciam duas chapadas. Ninguém morre no dia do casamento, não pode.

Moral da história: Mariana Pardal, deixa de ser parva e não sigas séries espanholas que começaste a ver em Lloret - obviamente que acaba mal.

Los Hombres de Paco - El desenlace

4 comentários:

Caramela disse...

LOOOL! Ai tristeza! Sua maria chorona! Quem te manda a ti andar a ver séries espanholas? Pois claro que depois o resultado era isto. Triste... Tsss! :P

PC disse...

Les hombres de Paco :D
A personagem principal é o Quim Barreiros (Espanhol)!

uma lindissima série xD

vice' disse...

Caramela:
Um erro que não voltarei a cometer!

PC:
O Quim Barreiros foi dos poucos que se safou! ahah Uma lindíssima série, sem dúvida! Que começamos a ver em Lloret, no dia em que comprei a segunda pistolita! :)

ainda o apanhamos disse...

J O D E R.